Dia da Liberdade de Pensamento


O Dia da Liberdade de Pensamento é comemorado mundialmente em 14 de julho.

Esta data celebra um dos princípios mais importantes da Declaração Universal dos Direitos Humanos: a liberdade de pensamento.

A liberdade de pensamento é a garantia que o indivíduo possui de manter e defender a sua ideia ou posição em relação a um fato ou um ponto de vista.

De acordo com o artigo 18 da Declaração Universal dos Direitos Humanos, promulgada pela ONU (Organização das Nações Unidas), em 10 de dezembro de 1948:

“Toda pessoa tem direito à liberdade de pensamento, consciência e religião; este direito inclui a liberdade de mudar de religião ou crença e a liberdade de manifestar essa religião ou crença, pelo ensino, pela prática, pelo culto e pela observância, isolada ou coletivamente, em público ou em particular”.

O artigo 19 da mesma declaração diz: “Todo homem tem direito à liberdade de opinião e expressão; este direito inclui a liberdade de, sem interferências, ter opiniões e de procurar, receber e transmitir informações e idéias por quaisquer meios e independentemente de fronteiras”.

É conhecido que os direitos humanos que asseguram a liberdade de pensamento foram definidos pela primeira vez com a Declaração dos Direitos do Homem e do Cidadão, em 1789, com a aprovação da Assembléia Nacional Constituinte da França.

Aliás, o 14 de julho foi escolhido como Dia Mundial da Liberdade de Pensamento por representar o marco inicial da Revolução Francesa: a queda da Bastilha.

No Brasil, a liberdade de pensamento é assegurada a todos os cidadãos através da Constituição Federal de 1988.

Atualmente, com a internet e as redes sociais, tornou-se muito mais fácil a disseminação de diferentes idéias e exposição de pensamentos particulares.

No entanto, assim como todos têm o direito de expor livremente as suas idéias e pontos de vista, também devem estar preparadas para arcar com as consequências sobre aquilo que diz.

Atualmente, por exemplo, várias pessoas utilizam o princípio da liberdade de pensamento para disseminar discursos de ódio contra diferentes grupos sociais e minorias.

Todo mundo pode expressar seus pensamentos de modo livre, mas também precisa ter responsabilidade para responder pelo conteúdo daquilo que diz.

Texto colhido no Gogle